Cases de sucesso

Drivin consolida-se como parceiro logístico da Nestlé para a América Latina

Héctor Olmos, que é T-HUB LEAD da Nestlé Chile, iniciou os testes com a Drivin na empresa há cinco anos. O início aconteceu com a marca Purina, subsidiária focada em rações para pets, deu tão certo que, atualmente, essa parceria já se expandiu para todas as áreas da Nestlé.

O grande salto foi dado quando a Drivin ganhou a licitação que a multinacional abriu para eleger seu provedor de sistema de gestão de transportes TMS SaaS  para a América Latina. 

“No Chile já havíamos começado a utilizar esse tipo de plataforma há vários anos, o que abriu portas para que nessa definição regional fosse considerada a nossa experiência no mercado, que é mais madura”, disse Hector Olmos, Héctor Olmos, Transport & Network Control Manager de Nestlé Chile

14 países, do México à América do Sul, vão operar sua frota Nestlé corporativa com Drivin TMS SaaS.

Nestlé + Drivin 

De acordo com Héctor Olmos, um fator decisivo na escolha do TMS SaaS Drivin é que está é uma ferramenta de fácil utilização para os usuários. “Para nós era fundamental que fosse uma tecnologia intuitiva, com poucos passos para quem a utiliza.”, conta.

Nestlé case de sucesso

A chegada de Drivin na Purina

Após realizar testes com diferentes fornecedores e criar inúmeros projetos pilotos com vários deles, Drivin conquistou seu lugar como ferramenta de sistematização. Inicialmente, o trabalho foi focado na funcionalidade de otimização de rotas.

“Nos propusemos a otimizar as frotas como parte de nossas metas globais de redução da pegada de carbono. Com o passar do tempo, outros benefícios importantes foram adicionados, como o monitoramento ao vivo, os relatórios automatizados e, em geral, o maior controle de entregas”, afirma Olmos.

 

Além disso, a solução da Drivin foi procurada também para ser útil a outras áreas da empresa, já que ofereciam informações imediatas on-line sobre a localização dos produtos, melhorando o atendimento ao cliente e setor de vendas.

“Os vendedores podem oferecer um tratamento mais personalizado  e até ligarem para seus clientes para fornecer informações em tempo real sobre o envio.”

Com isso, um dos benefícios que saltou aos olhos sobre o TMS SaaS Drivin é que os processos se tornam mais produtivos, pois são otimizados. “As equipes comerciais podem receber o status dos pedidos pelo celular, o que impacta diretamente no relacionamento vendas-cliente”.

Atualmente, a Nestlé opera uma frota de 500 veículos em todo o Chile com a Drivin.


“É um parceiro tecnológico de logística com o qual tivemos uma experiência muito positiva nos resultados”, enfatiza o líder. 

Olmos considera que parte deste resultado se deve também ao fato de a Drivin “agarrar as necessidades da empresa e desenvolver soluções específicas que, do ponto de vista tecnológico, abrangem além do aspecto comercial’.

O que vem junto com a Nestlé

A gigante alimentícia atualmente conta com Drivin no Chile, México, Argentina e América Central. Em breve, Equador e Peru farão parte da operação com uma frota de 2.200 veículos em 14 países. Para isso, a Nestlé vai ter à disposição uma equipe de profissionais altamente capacitados, que trabalham em rede. Nestlé

Durante o processo, a implementação será continuamente revisada, incluindo sessões para conferir as análises provenientes tanto da experiência como da predição de cenários futuros.

Assim como a Nestlé, comece a otimizar suas rotas e a usar ferramentas de logística mais sofisticadas. Conheça nosso TMS SaaS

Content Specialist